7 dicas antes de escolher uma congregação

Texto escrito por Monara Barreto, missionária da Cru Campus que atualmente reside e trabalha em Brasília, DF.


Morando fora de casa há muito tempo, sofri por muitas vezes com a busca de um lugar para congregar, especialmente porque na situação que está o cristianismo no nosso tempo, nem toda denominação é um lugar seguro para florescer nossa fé. Por isso gostaria de compartilhar com você algumas coisas que aprendi e que podem te ajudar na escolha caso esteja atravessando esse período também.

1

Procure uma igreja bíblica: Esse é o ponto mais importante e prioritário, do qual depende todo o resto. Procure uma igreja em que a bíblia é ensinada e valorizada, em que há lugar para exposição das escrituras e você seja realmente alimentado. Um culto com 2 horas de louvor e 15 minutos de palavra vai fazer de você mais um crente superficial e não vai te capacitar a exercer a sua fé durante a semana (“a fé vem por ouvir a palavra“).

2

Procure uma igreja com pessoas maduras na fé: Estar em um ambiente onde as pessoas vivem verdadeiramente a fé em Jesus faz toda diferença. Nesse ambiente há perdão, arrependimento, admoestação, transformação pelo Espírito. Uma igreja em que não há maturidade espiritual, há fofoca, pecados encobertos, mágoas entre irmãos, brigas por ego e busca por glória própria. Esse ambiente é destruidor e pode enfraquecer você.

3

Procure um lugar onde você possa ser pastoreado: Não importa quanto tempo de crente você tenha, você precisa de alguém com quem contar, desabafar, pedir oração e conselho: você precisa ser pastoreado. É por isso que eu sempre recomendo igrejas menores, porque numa mega igreja você sequer é visto, seus pecados passam despercebidos e a possibilidade de você viver um discipulado real é muito pequena.

4

Procure um lugar onde você possa servir: “não se acende uma candeia para colocá-la debaixo de um cesto”. É por isso que não podemos nos portar como crentes consumistas, que apenas chegam, assistem ao culto e vão embora. Deus nos chamou para as boas obras e na congregação é um bom lugar para isso. O que não quer dizer que você só pode ficar num lugar onde você tenha “cargo“. Não. Mas você pode ajudar mesmo informalmente, sendo parte de algo, mesmo que pareça pequeno.

5

Procure um lugar onde você possa se relacionar: Uma das grandes alegrias de participar de uma igreja é ter amigos que estão vivendo coisas parecidas com você. Estar num lugar em que você não consegue fazer amizades, não se sente acolhido, em que todos estão fechados a novas amizades ou está cheio de panelinhas, não faz sentido. Ore ao Senhor para te levar a um lugar em que o coração das pessoas esteja aberto para relacionamento (como o coração da Igreja Primitiva).

6

Perceba a doutrina da igreja (usos, costumes, liturgia, soteriologia, crenças quanto a dons e milagres): Hoje em dia tem igreja de todo tipo e você precisa saber disso para avaliar se está disposto a se submeter. Se é difícil para você estar em um lugar com muitas doutrinas relacionadas a vestimentas, por exemplo, talvez seja mais honesto procurar um lugar mais ameno, para que você não seja um desobediente entre os irmãos. Por muito tempo eu tentei estar em uma denominação que é muito diferente de coisas que acredito e muitas vezes isso sugou minhas energias, mas se você consegue lidar tranquilamente com isso, vá em frente e foque no principal.

7

Esteja ciente da logística e estabeleça prioridades: infelizmente, igrejas com essas características não são fáceis de encontrar em qualquer esquina e você precisa valorizar quando encontrar uma assim. Mas talvez ela seja longe da sua casa, então é preciso avaliar se você está disposto a pegar ônibus, metrô, pagar Uber, acordar mais cedo, sair mais tarde…etc. Pra mim foi algo prioritário e coloquei diante do Senhor em oração. Ele me ouviu. É o que recomendo. Fale com Deus sobre seus desejos e ele honrará porque é do interesse dele que você faça parte de uma igreja bíblia e saudável, que propicie crescimento e amadurecimento para sua fé.

Que Deus o abençoe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *